sexta-feira, abril 27, 2012

Bringin' sexy back


Dia desses resolvi divulgar pra alguns amigos este blog. Não faziam nem ideia que eu escrevia qualquer coisa em algum lugar. Então uns e outros entraram, leram e comentaram.

Ouvi o seguinte questionamento: "porque não escreve sobre sexo? Você fala tanto de sexo mas não escreve sobre isso. Seus textos seriam mais interessantes."

Ok. Desde então tenho pensado sobre isso e realmente não entendo porque nunca consegui ou sequer tentei escrever sobre um assunto que domino tão bem em rodas sociais e conversas despretensiosas entre amigos? Sempre fui boa em redações. Dê-me um tema e escreverei em trinta linhas. Mas... com uma vida sexual tão ativa como a minha, terei que contar histórias alheias e parar com o posts de melancolia depressiva.

Mas outro amigo me alertou sobre a exposição que seria escrever sobre sexo. Disse: "texto sobre sexo tem que ficar na gaveta". Sabem o que respondi? Nem ligo. Poucas vezes me importei com a opinião alheia.

Pois é, socializo falando putaria, sou verborrágica, mas não sei expressar o que falo tão espontaneamente... por escrito. Mas ao menos pensarei no caso e verei se consigo passar meus pensamentos impuros, toda a ruindade que carrego na mente para os posts deste humilde e negligenciado blog.

Creio que nunca chegarei aos pés dos incríveis relatos de minhas amigas do extinto blog "Nem Jesus Salva", mas posso tentar.

1 comentários:

artista sem pena disse...

Acho que devemos escrever sobre coisas que nos causem uma reação.O poema "Casa comigo" me fez reagir então estou comentando.Só uma "frigidez ao escrever" pode nos impedir de redigir um texto.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...