quarta-feira, março 14, 2012

O último dia da minha vida

Esse dia já começou estranho. Uma tristeza cheia de sentidos. Sim, como posso dizer que não faz sentido se tudo está fora do lugar? Não estou na minha casa e sequer tenho um lugar para onde voltar. Não suporto mais a pressão de ser obrigada a me manter num emprego cuja motivação que eu sentia no começo, não existe mais. Quero largar tudo e recomeçar. Não paro de chorar desde cedo. Já tive os piores pensamentos. Quase peguei uma faca para dar vazão a eles. Mas estou tentando acreditar que isso não passa de uma TPM e que esse sentimento de derrota e impotência logo vai passar. Nada é como eu imaginava que seria. Como sinto falta de ter meus amigos por perto. De frequentar os lugares de que gosto. Da minha rotina. Das minhas coisas nos lugares certos. De viver e me divertir. Sinto falta de ser feliz.

2 comentários:

Laís... disse...

Sim,é duro a vida em muitos momentos mas não podemos nos abater e tentar recomeçar ainda que no mesmo local. É dificil mas não impossivel. Encontre dentro de vc a força que precisa nesse momento.

Puma® disse...

Exitem muitos espinhos mesmo para a gente se arranhar até chegar próximo do que a gente quer. Eu ainda quero ter tempo para a minha pós graduação ou outra graduação, mas a vida anda corrida, ajuda pai, ajuda sobra, ajuda noivo...e eu? Então, sua mãe adora se achar dona da única verdade, nossa como ela me lembra meu principal problema de vida que eu estou tendo que engolir...enfim, mantenha as suas metas em mente, se é ter sua casa, se vc já tem ideia se é em Minas ou no Rio, que tipo de emprego vai te dar estabilidade e te deixar feliz. O que não é o que vc quer, escuta de deixar passar pelo seu ouvido, e escuta as suas metas somente ;) A nossa vida é que nem o tempo, tem dias lindos de sol e inundações complicadas de se passar, mas vc precisa decidir passar ;) Vc sabe que é só chamar que estamos ai para conversar ;)

Super Bjus

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...